CHURRASCO PERFEITO - 1° CAPÍTULO - ACENDENDO A CHURRASQUEIRA

Apesar do churrasco ser muito popular, poucas pessoas sabem como pilotar uma churrasqueira de fato. Não é porque queremos aprender a fazer aquelas carnes mais elaboradas e deliciosas que não devemos dar importância para as coisas mais simples. Dominar o básico é essencial para chegar no churrasco perfeito. Sendo assim, vamos aprender primeiro a acender uma churrasqueira.


gif

Hoje em dia temos algumas formas de acender uma churrasqueira; e devo avisar logo de cara para evitar acidentes: NUNCA USE ÁLCOOL LÍQUIDO!!! Usando o álcool líquido você estará correndo um grande risco de causar uma exploxão e não é isso que queremos. Então bora para algumas opções seguras:


1) ÁLCOOL EM PASTILHAS - é o meu preferido por ser seguro, não fazer fumaça e ser prático; porém não é a opção mais barata e precisa ser de qualidade para funcionar direito. Não é patrocínio, mas como eu sei que todo mundo gosta de indicações, eu uso um da marca Lumix e gosto bastante. Uma pastilha é o suficiente.


2) ÁLCOOL EM GEL - diferente do líquido, o álcool em gel não gera risco de explosão e não faz fumaça, mas precisa ser o específico para acender fogo, pois possuem uma % de álcool maior para facilitar o seu trabalho.


3) ACENDEDOR ELÉTRICO - funciona, é econômico (porque você só precisa comprar uma vez), mas não é prático! Sua churrasqueira vai precisar estar ao lado de uma tomada, ou então você precisará de uma extensão e, depois que o carvão estiver em brasa e você precisar retirar o equipamento, vai precisar de um lugar seguro e com um aviso bem grande de QUENTE, porque isso queima mais do que chapinha de cabelo em cima da pia do banheiro de um desavisado.


4) ÓLEO EM UMA "CAMA" DE PAPEL - essa é a minha última opção sempre, porque faz muita fumaça, o que é péssimo principalmente para lugares fechados. Você simplesmente faz uma tigela com qualquer papel e enche de óleo.



Para acender o carvão, basta fazer uma pilha de carvão por cima do acendedor escolhido e colocar fogo. Assim que o carvão pegar fogo, você deve espalhar as brasas pela churrasqueira, adicionar mais carvão e esperar que se forme uma brasa quente o suficiente. Nessa fase, abanar a brasa pode ajudar a acelerar o processo.




MAS COMO EU SEI QUANDO A BRASA ESTÁ QUENTE O SUFICIENTE???


Coloque a mão uns 5cm acima da grelha e conte os segundos que você consegue manter a mão ali sem se queimar. Se contar 5 segundos, a temperatura está ideal. Se contar menos, está muito quente e se contar mais de 5 segundos é porque ainda está frio.


Um dos segredos de uma carne bem preparada é saber assá-la no ponto correto deixando-a bem suculenta; e para isso você deve saber controlar o fogo da churrasqueira. Portanto fique sempre de olho na temperatura da sua brasa. Se começar a esfriar, adicione mais carvão e espere o fogo pegar nos novos carvões. Se começarem a subir labaredas, jogue cinzas para amenizar as chamas. Afinal de contas não queremos queimar o exterior da carne e cozinhá-la de forma desigual. Uma boa dica é guarda as cinzas do churrasco anterior para usá-las nesse momento.


Agora você está mais perto do que antes de fazer o churrasco perfeito. Espero que tenha gostado desse post. Esse é apenas o início de uma deliciosa jornada. Mantenha-se seguro e bora cozinhar!!!


beijos em brasa, Be!